web analytics
livros

Resenha: your name.

Livro: your name.
Autoria: Makoto Shinkai
Tradução: Karen Kazumi Hayashida
Editora: Verus
Rating: [rating=4]
Adicione à sua estante: Skoob | Goodreads

+ Exemplar cedido pela editora para resenha


Sinopse

Mitsuha é uma estudante que vive em uma pequena cidade nas montanhas. Apesar de sua vida tranquila, ela sempre se sentiu atraída pelo cotidiano das grandes cidades. Um dia, Mitsuha tem um sonho estranho em que se torna um garoto. No sonho, ela acorda em um quarto que não é dela, tem amigos que nunca viu e passeia por Tóquio. E assim aproveita ao máximo seu dia na cidade grande, onde ela adoraria viver.

Curiosamente, um estudante chamado Taki, que mora em Tóquio, também tem um sonho estranho: ele é uma garota que mora em uma cidadezinha nas montanhas. Qual é o segredo por trás desses sonhos tão vívidos?
Assim começa a fascinante história de dois jovens cujos caminhos nunca deveriam ter se cruzado. Compartilhando corpos, relacionamentos e vidas, eles se tornam inextricavelmente ligados ? mas há conexões verdadeiramente indestrutíveis na grande tapeçaria do destino?

A um só tempo divertido e emocionante, Your name. é uma leitura inspiradora, capaz de dançar sobre o tênue fio entre a realidade, o sonho e o sobrenatural, conforme acompanha as inquietações de uma garota e um garoto determinados a se agarrar um ao outro.


Capa & Diagramação

O livro tem um formato menor e é bem fininho (186 páginas). O leitor só descobre o significado de alguns detalhes da capa ao decorrer da leitura. Gosto muito da ilustração e do destaque para o nome do livro. A diagramação interna proporciona uma leitura confortável.

Personagens, Enredo & Impressões gerais

Antes de iniciar a leitura, numa pesquisa rápida, descobri que a obra possui uma versão cinematográfica que, inclusive, é super querida pelo público. Eu não esperava muita coisa do livro até ler vários comentários de pessoas elogiando o filme. Me segurei para não assistir até terminar a leitura (na verdade não assisti até hoje mas estou morrendo de vontade!).

Apesar dos muitos elogios, comecei a leitura com baixas expectativas, pois o universo dos animes e mangás não me atrai tanto. Eu não tive aquela febre de Pokémon, Cavaleiros dos Zodíaco e Sailor Moon que todo mundo teve. Mas confesso que AMO Sakura Card Captor porque todos os personagens são simplesmente apaixonantes!

“Musubi é como chamávamos o deus guardião local há muito tempo. “Musubi” significa união. Essa palavra tem um significado profundo. Entrelaçar fios é uma união. Conectar com as pessoas é uma união, e o passar do tempo é uma união. Tudo isso faz parte do poder do deus. Os fios que trançamos são um laço com ele, uma parte do deus. Representam a própria passagem do tempo. Acomodam-se e tomam forma, entrelaçam-se e retorcem-se, às vezes desenredam-se, rompem-se e voltam a se unir. Isso é uma união, isso é o tempo.”

Mitsuha e Taki são dois jovens que vivem em cidades diferentes, não se conhecem, mas têm “sonhos” em que estão um no corpo do outro. Até este ponto da sinopse, a enredo poderia ser semelhante a muitos outros livros/filmes populares que a gente já cansou de ler/assistir. O desenvolvimento da história, porém, é algo que foge do comum e mistura drama, romance, mistério e muitas lendas japonesas.

Your Name é um livro curto que começa um pouco lento mas que toma velocidade e intensidade à medida que o enredo progride. A construção dos momentos decisivos e do ápice da história é bem cinematográfica e envolve o leitor na medida certa em cada passagem.

É uma delícia de leitura, com final satisfatório, um clima de romance profundo porém leve permeados pelo cenário, clima e cultura japoneses. Indico para quem gosta de animes, mangás e/ou para quem gosta de cultura oriental.

Pontos positivos: enredo bem construído e embebido na cultura japonesa.
Pontos negativos: quem não gosta de mangá, anime ou cultura japonesa pode não curtir esse livro.

Gosto de cartões postais, livros e tenho um amor infinito por animais. Pretendo conhecer toda a Europa em breve e, às vezes, gosto de me aventurar na cozinha.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *