Resenha: A Virtude da Raiva

Livro: A Virtude da Raiva
Autor: Arun Gandhi
Editora: Sextante
Rating: [rating=3]
Adicione à sua estante: Skoob | Goodreads

+ Exemplar cedido pela editora para resenha


Sinopse

Nesta comovente história sobre o caminho da raiva para a não violência, você vai conhecer dez lições essenciais ensinadas por Mahatma Gandhi a seu neto Arun.

Tratados com a leveza do olhar de um jovem, temas universais como formação da identidade, gerenciamento da raiva, depressão, solidão, amizade e família ganham a luz dos ensinamentos do maior líder pacifista de nosso tempo.

Em A virtude da raiva, Arun Gandhi nos mostra como a compreensão e a luta pela justiça são a resposta tanto na hora de lidar com questões que parecem prosaicas e cotidianas, quanto frente aos principais problemas que assolam a política mundial.

Este é um livro poderoso e profundo, com maravilhosos insights sobre como lidar com nossos maiores conflitos e viver com integridade e paz interior.


Capa & Diagramação

A capa me chama atenção pois traz a figura inconfundível de Gandhi. Gosto da simplicidade e do formato pequeno do livro. A diagramação interna é limpa, possibilitando uma leitura confortável.

Personagens, Enredo & Impressões gerais

Se tem uma coisa que eu ganhei muito na minha parceria com a Editora Sextante foi o gosto que eu desenvolvi por livros que me ajudam nas questões de autoconhecimento e desenvolvimento espiritual. A editora me fez sair da zona de conforto e eu acabei descobrindo coisas sobre mim que nem sabia! Dentro os títulos que mais me marcaram estão A Morte como Despertar, O Que Eu Sei de Verdade e Fazendo as Pazes Com o Corpo.

Eu sou uma admiradora de Gandhi. Quando tenho a oportunidade de vê-lo ou ler alguma coisa sobre ele, faço questão de reservar um tempo e manter minha atenção focada em sua mensagem porque tenho certeza que bons ensinamentos virão.

O livro A Virtude da Raiva é escrito pelo neto de Mahatma Gandhi, Arun Gandhi, e traz algumas coisas que ele aprendeu em breves momentos da infância em que ele pôde estar com o avô.

Apesar de o livro abordar o tema da raiva que o menino sentia, seguida de culpa por sentir a raiva e pela possibilidade de desagradar o avô ao demonstrar esse sentimento, muitas outras lições podem ser extraídas desse breve contado de Arun com Gandhi.

Apesar da preciosidade da mensagem passada pelo livro eu tive dificuldade na leitura que se mostrou muito massante para mim! O livro é super curto, tem somente 175 páginas e um formato bem pequeno, mas ainda assim demorei uma eternidade para ler. Acabei não conseguindo pegar o ritmo.

Contudo, qualquer ação e fala de Gandhi é um ensinamento maravilhoso e aprender que não devemos desprezar nossa raiva e sim aproveitar o que ela pode nos trazer de positivo é uma lição surpreendente. Só é possível entender a essência do que Mahatma Gandhi quis dizer quando disse que a raiva tem suas virtudes lendo esse livro. Qualquer tentativa de traduzir essa preciosa lição aqui perderia seu sentido básico.

Aconselho a leitura para quem admira Gandhi ou ficou curioso com esse título como eu.

Pontos positivos: ensinamentos poderosos e simples.
Pontos negativos: ritmo cansativo.

By Evelyn

Viciada em farinha láctea, cartões postais, livros e tenho um amor infinito por animais. Pretendo conhecer toda a Europa em breve e, às vezes, gosto de me aventurar na cozinha.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *