web analytics
livros

Resenha: O Que Eu Sei de Verdade

Resenha: O Que Eu Sei de Verdade

Livro: O Que Eu Sei de Verdade
Autora: Oprah Winfrey
Editora: Sextante
Rating: [rating=5]
Adicione à sua estante: Skoob | Goodreads

+ Exemplar cedido pela editora para resenha


Sinopse

“O que eu sei de verdade é: sua jornada começa com a decisão de se levantar, sair e viver plenamente.” – Oprah Winfrey

Entre os talentos de Oprah Winfrey está sua capacidade de compreender a natureza humana como poucos e, ao mesmo tempo, colocar essa sabedoria em palavras.

Desde que foi questionada sobre as coisas de que tinha certeza na vida, ela passou a registrar suas reflexões sobre relacionamentos amorosos, família, autoestima, medos, fracassos e superação.

Em textos curtos, Oprah oferece mensagens profundas que vão ajudar você a fazer as pazes com seu corpo, a construir relacionamentos mais harmoniosos, a mudar sua maneira de encarar os problemas e a extrair da vida o máximo que ela tem a oferecer.


Capa & Diagramação

Não tem nada na capa e na diagramação desse livro que não me agrade. O projeto gráfico me encanta e tem muito a ver com o tom da escrita da Oprah.

Resenha: O Que Eu Sei de Verdade

Personagens, Enredo & Impressões gerais

Eu sempre fui admiradora da Oprah pois sabia que ela trazia casos de superação e força em seu programa de TV. A intenção não era apenas conseguir audiência com uns casos bem “cabulosos”. Eu enxergava uma enorme habilidade de alcançar os sentimentos mais íntimos do grande público, inspirando-o e fazendo-o se mexer para mudar algo em sua vida que não esteja funcionando.

É nisso, principalmente, que eu penso quando vejo essa mulher. Alguém que te faz remexer naquilo que você fez dormir por medo, preguiça ou simplesmente por não saber lidar. Ela te faz sair da sua zona de conforto para que você mesmo resolve algo que te incomoda e te atrapalha.

Resenha: O Que Eu Sei de Verdade

Eu nunca fui muito assídua do programa dela. Antes a gente não tinha essa facilidade de perder um programa na TV e assistir na internet depois. Eu sempre pegava os programas pelas metades quando passava no GNT. Eu nunca soube muito da vida dela, a não ser que era uma empresária de sucesso, que era podre de rica, que era discreta quanto sua vida pessoal e que tinha como objetivo inspirar e ajudar outras pessoas.

O livro entrega, na minha opinião, o melhor lado da Oprah. O lado dessa mulher que já passou por poucas e boas e aprendeu bastante com isso. O lado mais sereno, que pensa antes de agir e valoriza os pequenos detalhes da vida.

“O que eu sei de verdade é que você não quer viver assim – fechado para os próprios sentimentos e para o mundo à sua volta. Quero que todos os dias sejam uma nova chance de expandir as possibilidades. De experimentar a alegria em todos os níveis.”

Oprah conta o que aprendeu ao longo de seus anos como criança e adolescente negra e pobre, seus anos como repórter e depois como apresentadora. ela fala de alegria, perseverança, união, gratidão, possibilidades, deslumbramento, lucidez e poder.

A leitura é bem positiva mas não é piegas. Eu nenhum momento em me senti lendo algo como auto-ajuda mas sim recebendo conselhos de uma amiga. Para quem a conhece (acho difícil não conhecer!) é quase que automático ouvir a voz dela durante a leitura.

É o tipo de livro que eu quero manter na minha cabeceira e ler uma passagem toda noite! Eu amei tudo a respeito desse livro!

Resenha: O Que Eu Sei de Verdade

Pontos positivos: leitura positiva e inspiradora.
Pontos negativos: apesar de não soar como auto-ajuda se você não gosta do gênero pode não curtir esse livro. Mas abre o coração pois a leitura pode ser benéfica, tá?

Gosto de cartões postais, livros e tenho um amor infinito por animais. Pretendo conhecer toda a Europa em breve e, às vezes, gosto de me aventurar na cozinha.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *